Sobre o bigode e afins


- sábado, 5 de fevereiro de 2011
Durante séculos, o bigode tem sido um símbolo de dignidade e prestígio. Portadores dessa forma magnífica de pêlos faciais são tipicamente régios ou altamente inteligentes (ver Darwin, Einstein, Planck,...).

Curiosamente, os proprietários de pêlos acima do lábio superior, muitas vezes falam com sotaques peculiares. Os cientistas explicam este fenômeno: a teoria é que os folículos capilares que crescem acima do lábio superior têm raízes profundas que se espalham ao redor da caixa de voz, acrescentando entonações distintas nas vozes dessas pessoas.

Historicamente, a incapacidade de crescerem bigodes em mulheres causou terrível desigualdade de gênero. Falta de privilégios de voto e a desigualdade de oportunidades no mundo do trabalho para as mulheres podem ser facilmente rastreadas até o fato de que elas não podem produzir bigodes tão completos e tão majestosos como os homens podem.

O máximo que as mulheres podem fazer é fingir, inutilmente, por um momento fugaz, que compartilha a honra e o privilégio triunfante de ter um bigode.


author

.:: Andhora Silveira ::.

É graduanda em Ciência da Computação. Ama ficção científica,
histórias em quadrinhos, heavy metal, livros, física, astronomia e tecnologia.
É uma leitora exigente e gosta muito de escrever. Vida longa e próspera.

Comente pelo facebook:

Comentário(s):

Comente pelo blogger:

2 comentários:

Bob Mota comentou:

Amei o post e a foto!!
huahauhauahuhauahuahua
Você gosta de bigodes??
Queria me ver de bigodes?

* Andhora Silveira * comentou:

Ora, ora... Você sabe que eu amo sua barba ^^

:)) ;)) ;;) :D ;) :p :(( :) :( :X =(( :-o :-/ :-* :| 8-} :)] ~x( :-t b-( :-L x( =))

Postar um comentário

* Todos os comentários são lidos e moderados previamente;

Não serão publicados aqueles comentários que:

* Não estão relacionados ao tema do post;
* Contém propagandas (spam);
* Com palavrões ou ofensas a pessoas e marcas;
* Possui erros ortográficos e miguxês.

Back to Home Back to Top