Por que eu amo Física?


- terça-feira, 17 de agosto de 2010
Alguém uma vez me disse que eu era uma maluca. Tudo bem, eu posso lidar com isso.

A razão pela qual me fizeram essa declaração foi porque eu adoro Física. A pessoa me disse que só um maluco poderia amar "isto". Bem, então eu sou uma maluca. Durante todos esses anos, a única coisa que me mantém sã é a Ciência.

Por que eu amo Física?


Física é o estudo da natureza. Quão ampla e bonita é. É a base para todas as ciências que estudamos, desde Química até a Biologia. Com o conhecimento da Física, você pode ser um astronauta, um designer de foguetes, um oncologista (saber o quanto de radiação é necessária para desencadear um tumor), um engenheiro elétrico, um cientista da computação,... um ganhador do Prêmio Nobel.

Amo Física porque com ela posso mergulhar na natureza de como as coisas funcionam. Não que apenas a Física irá explicar tudo, potencialmente, sozinha. Não que ela seja a mais satisfatória de todas as ciências. Não que ela seja a principal. Mas se seu objetivo é alcançar uma compreensão profunda de qualquer outra ciência, o estudo da Física será necessário. É uma vergonha que muitas ciências tenham se afastado da Física.

Vejamos o fenômeno do tunelamento: Neste caso, um elétron vai de encontro a uma parede e pode aparecer do outro lado dela (insano?). Agora, imagine uma bola bater em uma parede de tijolos. Quais são as chances dessa bola atravessar a parede? As chances são poucas. Mas isso porque o comprimento de onda de De Broglie de uma bola é muito pequeno. O comprimento de onda de De Broglie para um elétron, possui ordens de magnitude bem mais superiores. E adivinhem: O elétron acaba atravessando a parede, na maioria das vezes. Isso permite que muitos dos nossos dispositivos tecnológicos funcionem.

A Física me mostrou que as possibilidades são infinitas. A Mecânica Quântica afirma de fato que todas as coisas que poderiam acontecer, acontecem no universo. Portanto, há uma chance de 100% dos eventos ocorrerem, apesar de ter uma baixa probabilidade associada a eles, separadamente.

No mundo Físico, tudo está sujeito a passar por um renascimento (morrer e nascer novamente). No universo nada é desperdiçado. Tudo está sempre mudando e se transformando. Se tudo permanecesse o mesmo de sempre, o universo seria estático e maçante.

... Bem, não irei embarcar todas as minhas reflexões sobre a Física aqui neste post. Mas sou uma apaixonada pelo assunto e acredito na Ciência. Existem muitas questões interessantes que surgem a partir do conhecimento dela, o que só aumenta a emoção e o mistério.

Ahhh... Mistérios...

author

.:: Andhora Silveira ::.

É graduanda em Ciência da Computação. Ama ficção científica,
histórias em quadrinhos, heavy metal, livros, física, astronomia e tecnologia.
É uma leitora exigente e gosta muito de escrever. Vida longa e próspera.

Comente pelo facebook:

Comentário(s):

Comente pelo blogger:

2 comentários:

Bob Mota comentou:

I love Physics too!!!

Eugênio comentou:

Matemática é a mãe de todas as ciências... ;D

:)) ;)) ;;) :D ;) :p :(( :) :( :X =(( :-o :-/ :-* :| 8-} :)] ~x( :-t b-( :-L x( =))

Postar um comentário

* Todos os comentários são lidos e moderados previamente;

Não serão publicados aqueles comentários que:

* Não estão relacionados ao tema do post;
* Contém propagandas (spam);
* Com palavrões ou ofensas a pessoas e marcas;
* Possui erros ortográficos e miguxês.

Back to Home Back to Top