Uma das coisas mais gratificantes do mundo:


- sexta-feira, 7 de maio de 2010
Quando um pequeno inseto (mosquito ou algo menor) começa a voar zunindo ao meu redor daquela maneira irritante, até eu ficar fora de mim e eu só chegar e esmaga-lo com meu punho... e na primeira tentativa!

E aquela expectativa de saber se você conseguiu pegar o pestinha no ar com as mãos, sem ter a certeza de que pegou ou não, mas, em seguida, abrir devagar as mãos e vê-lo na palma da mão: me dá a maior satisfação.

Acho que sou uma assassina de sangue frio, mas sério... esses seres deveriam pensar melhor antes de se meter comigo e ficar voando dessa maneira tão irritante pela minha tela do computador. Honestamente, eles estão pedindo isso.

author

.:: Andhora Silveira ::.

É graduanda em Ciência da Computação. Ama ficção científica,
histórias em quadrinhos, heavy metal, livros, física, astronomia e tecnologia.
É uma leitora exigente e gosta muito de escrever. Vida longa e próspera.

Comente pelo facebook:

Comentário(s):

Comente pelo blogger:

2 comentários:

Eugênio comentou:

oO ... eu n queria ser um inseto perto de vc... hehehhe

* Andhora Silveira * comentou:

xD

:)) ;)) ;;) :D ;) :p :(( :) :( :X =(( :-o :-/ :-* :| 8-} :)] ~x( :-t b-( :-L x( =))

Postar um comentário

* Todos os comentários são lidos e moderados previamente;

Não serão publicados aqueles comentários que:

* Não estão relacionados ao tema do post;
* Contém propagandas (spam);
* Com palavrões ou ofensas a pessoas e marcas;
* Possui erros ortográficos e miguxês.

Back to Home Back to Top