Bem me quer, mal me quer...


- sexta-feira, 4 de setembro de 2009

6:30. Despertador toca. De lá até a hora em que saiu da cama foram quatro sonecas. Levantou. Abriu a janela: calor, enfim. Olhou-se no espelho, olheiras. Esquentou o leite, colocou o chocolate, adoçou - com açúcar, sem afeto. Pensou na roupa que iria usar, trocou, saiu.

Esperou o ônibus, pista vazia. O ônibus demorou. Olha o relógio. 7:56. Já?! Apertou o passo. Enfim, sentou-se. Angustiou-se. Pensou que aquilo não valia tanto esforço, estar cansada às 8:45.

Faltavam então cinco para as nove. Mesa, computador, alguns livros, colegas. Nem bom dia. Agora o jornal online. Respirou fundo, esticou as pernas.

Olhou em volta, repousou os pulsos sobre a mesa: 10:00. Repensou tudo, pensou diferente, dissuadiu-se. Determinada, decidiu que esse era, agora sim, um bom dia.

--

"O mundo está mudado, porque você é feito de marfim e ouro. As curvas de seus lábios reescrevem a história." - Oscar Wilde, em O retrato de Dorian Gray.

author

.:: Andhora Silveira ::.

É graduanda em Ciência da Computação. Ama ficção científica,
histórias em quadrinhos, heavy metal, livros, física, astronomia e tecnologia.
É uma leitora exigente e gosta muito de escrever. Vida longa e próspera.

Comente pelo facebook:

Comentário(s):

Comente pelo blogger:

Seja o primeiro a comentar!

:)) ;)) ;;) :D ;) :p :(( :) :( :X =(( :-o :-/ :-* :| 8-} :)] ~x( :-t b-( :-L x( =))

Postar um comentário

* Todos os comentários são lidos e moderados previamente;

Não serão publicados aqueles comentários que:

* Não estão relacionados ao tema do post;
* Contém propagandas (spam);
* Com palavrões ou ofensas a pessoas e marcas;
* Possui erros ortográficos e miguxês.

Back to Home Back to Top