Ensinamentos de Lao Tse


- sexta-feira, 10 de abril de 2009


*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*

Quem conhece os outros é inteligente.
Quem conhece a si mesmo é iluminado.
Quem vence os outros é forte.
Quem vence a si mesmo é invencível.
Quem sabe estar satisfeito é rico.
Quem segue seu caminho é inabalável.
Quem permanece em seu lugar perdura.
Quem morre sem deixar de ser conquistou a imortalidade.
Quem fica na ponta dos pés não tem equilíbrio.
Quem mantém as pernas esticadas não pode andar.
Quem se põe em evidência permanece no escuro.
Quem está satisfeito consigo mesmo não é amado.
Quem se vangloria não tem mérito.
Quem se orgulha de si pára de crescer.
Quando algo acontece, aquele que não sabe como funciona as coisas não compreenderá sua origem. Mas aquele que conhece o mecanismo dos acontecimentos, saberá porque aquilo aconteceu.
Quem conhece as causas das coisas, nunca fica triste.


*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*

Quem foi Lao Tse?

Lao Tse nasceu em 604 a.C., num Estado considerado atrasado para a época, de nome Ch'u. Segundo as lendas, teria sido uma criança especial e, na manhã de seu nascimento, três sóis surgiram no horizonte. Ele tornou-se um jovem estudioso que teve contato com mestres chineses e recebeu uma sólida educação. Esse aprendizado, aliado a uma grande disciplina, o levou ao cargo de arquivista na corte de Lo-Lang. Nesse ofício, Lao Tse veio a conhecer Confúncio, mas eles estavam interessados em reflexões diferentes e não foi um encontro muito produtivo. Lao Tse defendia a importância da humildade, dizendo a Confúncio: "Você precisa abandonar a espada da ambição. O grande sábio geralmente parece tolo, mas quem é realmente profundo não ostenta seu conhecimento." Muitos anos depois desse encontro, Confúncio disse a respeito de Lao Tse: "Pássaros voam sobre a terra, peixes alcançam as profundezas dos oceanos e os tigres percorrem as grandes planícies. Mas quem pode prever o comportamento de um dragão? Às vezes eles voam entre as nuvens; outras, atravessam túneis subterrâneos. Lao Tse deve ter sido um dragão. Pode-se vislumbrar sua sabedoria, mas quando se tenta capturá-la, ela desaparece."
Quando a China entrou em crise e passou por um longo período de guerras, Lao Tse refugiou-se distante das batalhas, perto da fronteira. Em sua jornada, encontrou um oficial que o reconheceu e disse que o deixaria passar se ele escrevesse um roteiro para a sabedoria. O mestre inicialmente recusou, pois nada tão profundo quanto a sabedoria poderia ser expresso em poucas linhas escritas, mas sentou-se em uma grande árvore e escreveu os 5.000 ideogramas que formam o Tao Te King, a obra máxima da filosofia taoísta.

*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*

author

.:: Andhora Silveira ::.

É graduanda em Ciência da Computação. Ama ficção científica,
histórias em quadrinhos, heavy metal, livros, física, astronomia e tecnologia.
É uma leitora exigente e gosta muito de escrever. Vida longa e próspera.

Comente pelo facebook:

Comentário(s):

Comente pelo blogger:

3 comentários:

Lucas comentou:

Parabéns Ótima...
Breve história que demostra a sabedoria do grnade mestre Lao-Tsé.
Parabéns.

* Andhora Silveira * comentou:

Obrigada Lucas! Lao Tse foi de fato um grande Mestre...^^

Abraço.

p.elias comentou:

Andhora, fiquei muito feliz em poder encontar seu blog. Sou espírita e um dos temas que estudamos é Antecedentes do Cristianismo e sempre citamos LAO-TSE, assim como Confúcio, como sendo um deles. Se vc notar há semelhanças entre os ensinamentos de ambos. Parabéns pelo blog. Me idetifiquei muito com ele e com você.

Paulo Elias - Manaus, Amazonas.

:)) ;)) ;;) :D ;) :p :(( :) :( :X =(( :-o :-/ :-* :| 8-} :)] ~x( :-t b-( :-L x( =))

Postar um comentário

* Todos os comentários são lidos e moderados previamente;

Não serão publicados aqueles comentários que:

* Não estão relacionados ao tema do post;
* Contém propagandas (spam);
* Com palavrões ou ofensas a pessoas e marcas;
* Possui erros ortográficos e miguxês.

Back to Home Back to Top